25 de out de 2014

Engordei mais!



O nome do post já diz tudo.
Pois é... Consegui engordar mais!


Agora cheguei onde nunca imaginei.
70kg!
Daqui a pouco saio rolado.
Imaginem como estoume sentindo mal com isso.
Uma pessoa de 1,50m de altura pesando 70kg!
Sinto-me péssima! Não me sinto feliz com minha aparência e não me sinto confortável com tanto peso, o desconforto geral me incomoda muito.
Sinto-me fisicamente mal, muito desconforto para andar, mais cansaço, mais dificuldade para dormir, sinto que não fui feita para carregar a massa que estou carregando, as roupas estão apertadas e algumas não me servem mais, mas o pior de tudo é detestar minha aparência!
Para uma mulher que conseguiu se manter magra, linda, com 52kg até os 39 anos, é muito difícil aceitar o que vê no espelho quando se olha com 70kg!
Segundo uma nutricionista, meu peso ideal é 56kg levando em conta minha idade e altura. 13kg a mais! É demais!
Porque engordei mais?
A resposta é simples e complicada.
Basicamente podemos dizer que a resposta seja falta.
Isso mesmo! Falta!
Mas falta de que? De dinheiro!!!
Como assim?! Falta de dinheiro deveria emagrecer e não engordar!
Falta de dinheiro causa mais problemas do que podemos imaginar.
Segue uma lista com os piores problemas.
- Dieta inadequada (alimentação saudável é mais cara)
- Aumento de peso (pão e macarrão é mais barato que carne e fruta)
- Estresse (conseguirei pagar as contas este mês?)
- Ansiedade 1 (terei o que comer até o próximo pagamento?)
- Ansiedade 2 (Preciso de um doce AGORA!)
- Insônia (inicio do mês e contas chegando...)
- Medo (será que conseguirei pagar tudo?)
- Insegurança (será que no proximo mês será assim também?)
- Tristeza (não foi isso que desejei para mim)
- Vergonha (quando fica alguma conta sem pagar)
E por ai vai...
Não tenho o menor problema em dizer tudo isso, porque tenho certeza absoluta de que não sou a única, sou apenas mais uma pessoa a passar por uma fase muito difícil.
Não quero que sintam pena de mim e deixo aqui bem claro que também não é um pedido de ajuda.
Tenho apenas uma certeza, a de que tudo isso vai passar.
Um belo dia, estarei olhando para traz sabendo que tudo passou, sem acreditar que consegui superar o que aconteceu e muito feliz por ter acabado!
Tenho evitado escrever e postar, mas sinto falta, adoro meus blogs e tenho muita saudade deles.
Escrever se tornou minha auto terapia e geralmente faço isso quando está difícil de suportar a carga.
Gosto de escrever sobre meus pensamentos e sentimentos e ler o que escrevo faz com que me entenda melhor e isso me fortalece. Prefiro escrever a falar e também é certo que não encontrarei ninguém que queira ficar ouvindo meus porquês. Quem chega até aqui e lê minhas postagens, não está sendo obrigado a me aturar por cortesia, o faz porque deseja, porque lhe agrada ou porque lhe traz algum bem.
Claro que esse o texto é também um desabafo e espero que algumas pessoas não leiam esta postagem. Espero que sejam somente você a ler, meus amigos de fibra que sempre estiveram aqui lendo meus posts e me dando apoio mesmo a distância.
A internet criou uma nova modalidade de amigos, os virtuais! E eu tenho muitos!
Invisíveis, infalíveis e muito verdadeiros.
Obrigada amigos de fibra! Nunca esquecerei o apoio que sempre me deram.
Adoro vocês!
Abraços a todos
O texto acima é de minha autoria.

Incrível! Vejam a matéria que encontrei ela comprova minhas afirmações:
(para encontrar a matéria, copie e cole o endereço no seu navegador)

“Problemas financeiros podem levar ao ganho de peso, diz estudo”
gnt.globo.com/bem-estar/materias/problemas-financeiros-podem-levar-ao-ganho-de-peso-diz-estudo

10 comentários:

  1. Wishing you all the best in 2015 from Fibro Blogger Directory and my personal blog Fibro Files

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola, Good.
      A falta de tempo e o número de comentários para responder fizeram que só encontrasse o seu agora.
      Muito obrigada pelos votos carinhosos e prometo ser mais atenciosa.
      Abraços

      Excluir
  2. Boa tarde, Cristina

    Descobri seu blog depois de quase 2 anos de muita angustia, visitei a sua página onde você relata os sintomas da fibromialgia.

    A minha historia começa em agosto de 2013 mas, estou começando a pensar que na verdade ela se inicia muito antes disso.
    Em agosto de 2013 comecei a sentir um formigamento na minha perna e braço esquerdo. Fui ao pronto atendimento de um hospital particular do grande ABC e chegando lá a médica disse que teria que ser encaminhada para o neurologista e na tela no computador li duas palavras que mudariam a minha vida "Hipótese diagnóstica: Esclerose Múltipla". Meu mundo desabou, fui ao neuro fiz tomografia do crânio e ressonância, deu tudo normal.

    Como os sintomas não desapareciam procurei outra neurologista e encontrei um anjo, que me explicou o pq não estava com esta doença, e realizou alguns outros exames que deram normais também. Me aconselhou a procurar terapia para me tranquilizar. Fiz por 6 meses e abandonei....

    Neste intervalo fui a ortopedistas, reumatologista, endocrinologista, homeopata. Fiz pilates, acupuntura e ngm sabia de onde vinha meu formigamento.

    Fui internada por um incomodo e "dor" no olho esquerdo que ngm achou explicação. Sentia os olhos secos, embaçados, pesados...Novamente 3 oftalmos diziam "Você não tem nada, esquece isso"

    Comecei a sentir vergonha de procurar médicos, me sentia doida e comecei a acreditar que isso jamais iria passar...infelizmente as coisas pioraram e no ultimo mês comecei a sentir tremores nas mãos.

    Até que uma pessoa me alertou sobre os sintomas da fibromialgia e fiz uma lista de tudo o que sentia e sempre senti e também nunca me deu diagnostico. Sofro de inumeras dores no corpo, minha familia e namorado as vezes duvidam "Não é possivel que não passa, é coisa da sua cabeça, esquece que passa" =(

    No seu post sobre sintomas imprimi a lista e com um marca texto fui grifando todos os itens que batiam com meus sintomas e marquei uma consulta com minha neuro para ela avaliar o novo sintoma "tremor" e levar a lista.

    Nunca falei para um médico só tudo o que sinto...se sinto dor nas pernas, braços, costas vou ao ortopedista, se sinto dor de cabeça vou no neuro, se sinto desconforto na vista vou no oflaltmo, se tenho tontura vou no otorrino.

    Enfim a consulta será no dia 16 e espero que cheguemos em um diagnositoco, Pode paracer loucura mas, ficaria infinitamente feliz em descobrir que esse formigamento e todo o resto insuportavel tem nome e parar de pensar em doenças degenerativas e fatais =(

    Desculpe o longo comentario, nunca fiz isso...mas, seu blog me fez ter esperança de descobrir o que tenho novamente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que história a sua, Larissa!!!
      Bem vinda!
      Muito parecida com a maioria de nós, os fibromiálgicos, antes de um diagnóstico correto.
      Espero que neste momento já tenham te encaminhado ao tratamento ideal e que esteja melhorando.
      Muito obrigada por deixar seu depoimento que é muito importante para quem chega até aqui precisando de conforto e informação.
      Um grande beijo e obrigada

      Excluir
  3. Viver é um desafio constante que nos convida a reinvenção a cada manhã quando despertamos.....seu blog é muito legal e percebo que fala com o coração....só quem sente a fibromialgia sabe o que é....e aonde doí......obrigada pelas suas contribuições. Ahh e outra coisa você montou seu blog sozinha ou procurou algum serviço, caso afirmativo pode me indicar. Estou querendo fazer o meu sobre questões educacionais. um abraço e fique bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Nadia. Bem vinda por aqui.
      Verdade!!! Viver é um desafio que pode levar a experiências boas e ruins e tudo é um aprendizado. Quanto a se reinventar, já passei por algumas "reformas" físicas e mentais reveladoras, algumas bem sofridas emocionalmente falando, a maioria delas naturais e consequentes e outras causadas por medicamentos, mas todas muito importantes!
      Sempre me emociono muito quando recebo elogios sobre o blog que tem importância vital na minha vida!
      Leia a aba "O blog" no topo do blog, vai descobrir um pouco mais sobre ele.
      Por conta das dores e da insônia, tive tempo de sobre para me dedicar ao blog e fiz tudo sozinha. Sou muito curiosa e apaixonada por computador, então acabei aprendendo tudo sozinha com ajuda da curiosidade e das pesquisas em blogs que ajudam a desenvolver blogs.
      Procure por blogs para desenvolvedores de blogs, vai encontrar muitos e na maioria são muito bons. Para quem gosta como eu, são fontes muito boas.
      Muito obrigada por comentar e elogiar.
      Boa sorte e super bj

      Excluir
    2. Oi, Larissa, sua história é idêntica a minha. Tbm fui diagnosticada como esclerose múltipla. Não contente, procurei outros médicos, fiz exames e até q este ano descobri q tive uma trombose cerebral.isso me causou uma depressão, pânico e dores no corpo todo, inclusive no rosto, no olho. Até agora estou sem tratamento, aguardo.uma consulta c o hematologista p iniciar o uso de anticoagulante. E tratando a depressão tbm. Espero q eu melhore,.pois também difícil. Acho q a Qq momento vou morrer.

      Excluir
    3. Olá, Silvina. Muito bem vinda!
      Nossas histórias começam de maneira parecida mesmo.
      Também tinha esta sensação assustadora de que poderia morrer a qualquer momento!
      Quando estamos nesta fase de ainda não ter encontrado tratamento e apoio médico ficamos muito inseguras e vulneráveis, mas tenha calma que assim que iniciar seu tratamento vai se sentir melhor.
      Muito obrigada por participar e tomara que seu tratamento comece logo para que melhore e que consiga seguir sua vida com menos dores, mais segurança e bem estar.
      Volte para dizer como está.
      Grande bj

      Excluir

  4. Estou a tentar visitar todos os seguidores do Peregrino E Servo, e verifiquei que eu estava a seguir sem foto, por motivo de uma acção do google, tive de voltar a seguir, com outra foto. Aproveito para deixar um fraterno abraço.
    António Jesus Batalha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, António.
      Fique tranquilo e obrigada por acompanhar e seguir o blog.
      Abraços

      Excluir

Gostou do que viu aqui?
Deixe seu comentário.
Responderei assim que possível.
E não esqueça de recomendar aos seus amigos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...